Como limpar um motor de motocicleta – conselho profissional

Como limpar um motor de motocicleta – conselho profissional

É indesejado que haja acumulação de sujidade no motor de uma moto. A limpeza do motor ajuda a manter o valor do veículo e pode prevenir problemas. Levar a cabo este processo requer preparação e os materiais indicados. Convém seguir o procedimento recomendado abaixo.

Sujidade no motor

Os motores de motociclos estão relativamente expostos ao meio exterior e à sujidade, apesar de determinados modelos disporem de proteções. A quantidade e a natureza da sujidade que se acumula no motor depende do uso que é dado à mota. É típico que haja uma acumulação de óleo, de vestígios vegetais e animais, como insetos e folhas, de poeira, sal, lama e água. Estes resíduos formam por vezes uma amálgama, posto que água e em particular óleo fixam bem detritos. Com o passar do tempo e devido ao calor emanado pelo motor a sujidade pode incrustar-se.

Manter a unidade num bom estado de limpeza tem o objetivo de prevenir danos, garantir a segurança e manter a estética do veículo. Depósitos de sujidade no motor podem diminuir a convecção de calor e comprometer o arrefecimento da unidade. Além disso, esta sujidade encobre por vezes danos e dificulta a percepção deles, por exemplo, de fugas de líquidos nessa zona do veículo. A médio prazo podem também surgir manchas indesejadas devido à ação química de depósitos.

Material necessário para limpar o motor da moto encardido

Para que consiga obter bons resultados ao limpar o motor da sua moto por fora torna-se indispensável recorrer a produtos indicados para o propósito. Uma unidade que esteja suja com óleos requer uma limpeza com um produto especial. O uso exclusivo de água não produz bons resultados. Contudo, o produto especial empregado nesta tarefa não deve ser demasiado agressivo, para evitar danos em componentes.

Além de um produto especial, torna-se necessário usar outros materiais e ferramentas indicadas. Convém usar fita adesiva isolante e películas de plástico para garantir que componentes elétricos sejam devidamente protegidos da água. Podem ser necessárias ferramentas para desmontar determinados componentes elétricos. Além disso, são necessários panos e esponjas, bem como uma escova pequena (por exemplo, uma escova de dentes) para lavar e secar componentes. Uma lavagem à mão com uma esponja, água e detergente especial é o mais seguro.

O uso de lavadoras de alta pressão durante este procedimento deve ser cuidadoso ou evitado. Quando usada, a ferramenta deve ser sempre empregada a partir de uma distância segura. Devido à alta pressão, a água consegue penetrar espaços diminutos, danificar vedantes e levar ao comprometimento da função de determinados componentes. Articulações, rolamentos, vedantes, radiadores e componentes elétricos são particularmente sensíveis ao jato de alta pressão.

À parte os materiais de limpeza necessários, torna-se indispensável fazer a limpeza do motor de uma moto num local adequado e identificado como tal. Uma limpeza deste componente pode libertar substâncias como óleos e vestígios de combustíveis. Estas substâncias são nocivas para o meio ambiente, a poluição do mesmo tem de ser evitada.

Procedimento para limpar o motor da moto

Procedimento para limpar o motor da moto

Seguir o procedimento abaixo ao limpar o motor da moto por fora é importante para atingir bons resultados e para prevenir danos desnecessários.

 Lavar o motor da moto deve passar pelos seguintes passos: 
  1. Consultar o manual do proprietário para recorrer a informações relativas à limpeza da unidade. Estes conselhos podem ser bastante úteis para prevenir danos.
  2. Consultar e seguir as instruções do detergente especial para limpeza do componente para evitar danos físicos pessoais e danos nos componentes do veículo.
  3. Preparar todos os materiais e as ferramentas necessárias de antemão. Isto irá tornar o processo mais eficiente, por levar a uma poupança de tempo durante a limpeza.
  4. Vestir equipamento de proteção como óculos, máscara e luvas. Em caso de ingestão de produtos nocivos, contacto destes com a pele e/ou com os olhos pode tornar-se necessário contactar de imediato um centro antivenenos.
  5. Estacionar e desligar a mota num local seguro e arejado, à sombra e indicado para lavagens de motor. Isto evita que ocorra poluição do meio ambiente devido à lavagem de substâncias tóxicas e que os produtos de limpeza sequem demasiado rápido e deixem manchas em componentes.
  6. Deixar arrefecer o motor. Isto assegura que não ocorrem danos por causa de um arrefecimento repentino de componentes metálicos.
  7. Separar e tapar devidamente componentes vulneráveis à água que possam vir a entrar em contato com ela durante a limpeza, por exemplo, componentes eletrónicos. Assim, é mais fácil garantir que a limpeza não provoca uma avaria destes componentes. A fita adesiva e a película de plástico são indicadas para este propósito.
  8. Demolhar sujidade incrustada com um pano húmido. Isto facilitará o procedimento seguinte.
  9. Aplicar um produto de limpeza especial desengordurante nos locais a limpar e deixar fazer efeito durante cerca de cinco minutos para que a remoção de sujidade incrustada se torne mais fácil. Estes produtos penetram em locais de difícil acesso e permitem dissolver e remover óleos e outros vestígios com facilidade e rapidez.
Atenção, componentes pintados não devem entrar em contacto com o produto.
  1. Esfregar com uma escova e/ou com um pano as zonas de fácil e difícil acesso a limpar. Deste modo há uma melhoria do efeito desengordurante do produto. Isto deixa o motor da mota limpo.
  2. Enxaguar as zonas com água morna para remover todos os resíduos presentes na unidade.
  3. Secar devidamente os componentes enxaguados. Isto previne a formação de ferrugem, evita a acumulação de calcário e possibilita uma inspeção atenciosa dos componentes lavados.
  4. Deixar o motociclo secar por completo antes de o ligar. Isto previne possíveis curtos-circuitos.
  5. Aplicar óleo de proteção nos componentes limpos. Desta forma a superfície dos componentes é selada. Há um efeito protetor contra o efeito corrosivo da água e do sal.

Comentar

Your email address will not be published. Required fields are marked *