Sinoblocos: sintomas e função

Sinoblocos: sintomas e função

Os sinoblocos tratam-se de peças idealizadas para amortecer as vibrações e os impactos.

Os sinoblocos funcionam para evitar a deformação das peças da suspensão e da carroçaria. São os primeiros a receber choques e vibrações, após os quais são amortecidos por amortecedores.

O que são os sinoblocos

Os sinoblocos são um componente de suspensão, que detêm duas buchas de metal entre as quais existe uma inserção de borracha. O sinobloco une as peças da suspensão, amortecendo as vibrações existentes entre os nós. Contribuem de igual forma para um passeio cómodo devido à elasticidade da borracha, que serve como um amortecedor entre as partes da suspensão.

As juntas de borracha-metal (sinoblocos) são instaladas em outros sistemas do veículo: motor, caixa de velocidades, montagem da alavanca.

São usadas nos estabilizadores e amortecedores e outros elementos.

Os sinoblocos são divididos nas classes seguintes
 Os sinoblocos são divididos nas classes seguintes: 
  • i design (com uma, duas buchas ou sem elementos metálicos);
  • i carga de projeto (inserção elástica contínua ou com orifícios);
  • i tipo de fixação (buchas);
  • i mobilidade (mobilidade média e “flutuante”);
  • i material (borracha ou poliuretano).

De acordo com a sua estrutura física, os sinoblocos diferem na sua forma, obedecendo à versão da alavanca.

Na maior parte das vezes, são usadas duas buchas nas alavancas triangulares da suspensão dianteira do tipo MacPherson – sinoblocos traseiros com duas buchas, as dianteiras com um parafuso interno. A suspensão dianteira, traseira pode ser preenchida hidraulicamente. Este design permitirá a melhor absorção da energia vibratória, mas assim que o líquido começa a fluir, a eficiência dos sinoblocos diminui drasticamente.

A localização dos sinoblocos

 A localização dos sinoblocos, difere, entre outras, podem situar-se nos seguintes locais: 
  • alavancas dianteiras e traseiras;
    A localização dos sinoblocos: alavancas dianteiras e traseiras
  • tração longitudinal e transversal da suspensão traseira;
  • como buchas estabilizadoras;
  • em amortecedores;
  • como uma fixação da unidade de potência e transmissão.

De mencionar que o uso de sinoblocos completos, em vez de buchas de borracha, melhorou claramente as características técnicas do chassi dado o facto de que a borracha na luva rígida funciona melhor para torcer, amortecer as vibrações com mais eficiência e não sofrer um desgaste tão depressa.

Como verificar e substituir os sinoblocos

Como verificar e substituir os sinoblocos

O recurso médio de peças de suspensão de borracha-metal é de 100 km. Para realizar esta verificação precisa elevar o seu veículo num elevador. A inspeção inicial é visual, sendo necessária para detetar a presença de fissuras ou ruturas na borracha. Se existirem rachas, isso é um sinal de que em breve existe a necessidade de substituição.

A verificação à posterior é executada usando um suporte. Com o apoio na alavanca, simulamos o seu funcionamento, enquanto o curso da alavanca deve ser apertado. Isso também se aplica aos suportes do motor e buchas do amortecedor.

Aquando em movimento o desgaste dos sinoblocos é demonstrado por uma forte batida nas irregularidades, a “folga” da suspensão.

Os sinoblocos são substituídos apenas por desgaste percetível, dado que nos outros casos não fará sentido a sua substituição. Recomenda-se vivamente que mude a parte borracha-metal dos dois lados, pois em movimento a suspensão começa a manifestar-se inadequadamente dado à diferença na operação das alavancas.

Exemplos de sinais pelos quais pode determinar que os sinoblocos precisam ser substituídos

  • ! O veículo percorreu quase 100 Km (caso as condições da estrada sejam de má qualidade, então o intervalo de substituição decresce – depois de cerca de 000-50 mil);
  • ! Aparece uma reação negativa, o veículo fica instável e menos confortável de conduzir;
  • ! O padrão da banda de rodagem do pneu desgasta-se de forma irregular (isso também poderá ser o resultado de outras avarias);
  • ! As montagens do braço estão danificadas.

Ao realizar uma manutenção atempada e de alta qualidade do veículo, o proprietário poderá poupar na reparação dos sinoblocos.

Tempo útil de vida dos sinoblocos

Geralmente, o recurso de componentes originais chega a 100 km ou mais, dependendo de onde o veículo é conduzido. Por falar em análogos, as opções mais baratas podem falhar já nos segundos mil quilómetros. A quilometragem normal de um bom análogo é de 000-50% do recurso da peça sobresselente original.

Quais são os melhores sinoblocos: poliuretano ou borracha?

Definitivamente, em caso de falha do sinobloco, uma solução razoável seria substituí-lo por um idêntico, fornecido pelo fabricante. Caso o condutor não esteja habituado com o dispositivo de seu veículo, a seleção de sinoblocos pode ser realizada de acordo com o catálogo de um veículo específico.

Antes da substituição dos sinoblocos, o proprietário do veículo deverá decidir sobre o material de que a peça é feita.

 O proprietário terá duas opções disponíveis de sinoblocos: de borracha e de poliuretano. 
  • Sinoblocos de borracha
    No cerne de tais sinoblocos, é utilizada a borracha. Essas peças são baratas e mais fáceis de encontrar nas lojas. Mas esta opção tem várias desvantagens, entre elas, não toleram influências ambientais agressivas, por exemplo, rachas de borracha sob cargas com geadas severas.
  • Sinoblocos de poliuretano
    A desvantagem mais importante dos sinoblocos de poliuretano em comparação com a versão anterior é o seu alto custo. No entanto, esse fator é anulado pela presença de muitas vantagens, nomeadamente:
  • + Trabalho silencioso;
  • + O comportamento do veículo na estrada fica mais suave;
  • + Amortece melhor as vibrações;
  • + Melhora o manuseio do veículo.

Comentar

Your email address will not be published. Required fields are marked *